Home > Blocos > Bloco Camaleão

Bloco Camaleão

16

O Bloco Camaleão é um amor de muitos anos! Um bloco simplesmente inesquecível.  Um dos blocos mais clássicos do Carnaval de Salvador que já virou sinônimo de axé e alegria no circuito Barra-Ondina.  O Bloco Camaleão desfila no Circuito Barra Ondina no Domingo, na Segunda e  Terça de carnaval sob o comando de Bell Marques, unindo o coração de vários foliões pelo amor ao Carnaval da Bahia.

O Bloco Camaleão 2021 será palco de novas amizades, namoros e até casamentos. São mais de 40 anos de uma linda história que com certeza terá mais uma página incrível para ser vivida no Carnaval de Salvador 2021. São 4.500 foliões por dia de desfile, na sua grande maioria formados por turistas de todo brasil e do mundo que vem para Salvador aproveitar o melhor bloco do Carnaval. Fique por dentro da programação oficial.

No bloco Camaleão você reviverá grandes sucessos como: Diga que valeu, Vou te amar o ano inteiro, Foi Deus que fez você, Amor Bacana e muito mais. Como diz Bell Marques: Divirta-se, é carnaval.

Aproveite nossas condições de pagamento para comprar o seu abadá no valor do lote atual, antes que o preço aumente.

Censura 16 anos.

Compre aqui

R$0,00
  • Domingo R$1.090,00
  • Segunda-feira R$950,00
  • Terça-feira R$950,00

12x sem juros no cartão

12x sem juros no boleto

Aproveite e veja também

História do Bloco Camaleão

Era 1978 quando um grupo de amigos curtia o Carnaval de Salvador, na Praça da Piedade e surgiu a ideia de criar o próprio bloco. Foi assim, que começaram os encontros para definir como seria e, no ano seguinte, o bloco já estava na rua. Hoje, o Camaleão, tem mais de 40 anos de existência e é um sucesso de vendas todos os anos.

O nome Camaleão foi escolhido pelo artista Bel Borba, que foi o responsável por toda a identidade visual do bloco nos cinco anos iniciais, dizem que o nome foi escolhido num momento de piadas, e surgiu num trocadilho de algo da época.

A partir de julho de 1978, eles começaram a vender o bloco para o ano seguinte, através de 200 comissários. Em 1979, o bloco Camaleão saiu no circuito da Avenida de domingo a terça-feira, com mil foliões embalados pelo trio Maragós e a banda do próprio trio.

O primeiro ano foi um sucesso, a única reclamação foi sobre a qualidade do trio. Foi aí que os sócios buscaram contratar o melhor trio do Carnaval de Salvador e já deixaram garantido naquele ano mesmo, qual seria o trio que desfilaria para o bloco no ano seguinte.

Já em 1981 decidiram montar o próprio trio elétrico do Camaleão com tecnologia da época e a banda Salamandra era quem comandava. O bloco que já foi palco para verdadeiras estrelas dessa constelação que chamamos de Carnaval, como Sarajane, Luiz Caldas e Carlinhos Brown, e é marcado pela parceria de anos que teve com a banda Chiclete com Banana, que arrastava uma verdadeira nação chicleteira.

Em 1985, Luiz Caldas, o ícone do axé music foi contratado. Luiz ficou no Bloco Camaleão até o ano de 1989. Mas, foi em 1990, que o bloco Camaleão contratou a banda Chiclete comandada por Bell Marques, que lidera o bloco até hoje, mas em carreira solo.

Em 2014, quando Bell saiu da banda Chiclete com Banana, os sócios do Bloco Camaleão afirmaram que Bell era o artista que fazia de tudo pelo bloco e o principal responsável por todo sucesso, com isso, permaneceu e continua “puxando” o Camaleão até hoje.

O que Bell e os sócios do Camaleão não imaginavam, é que o cantor estaria no comando do bloco por tantos anos, já são mais de 40. “Foram muitas experiências e muito aprendizado. O Camaleão teve grande importância na minha formação como artista e como puxador de trio. Sou muito grato pelo convite lá atrás, que nos trouxe aqui hoje, sem qualquer pretensão dessa dimensão”, contou Bell para matéria do site Correio.

Bell também afirma que a energia do bloco Camaleão no Carnaval de Salvador é única: “Quem sai no Camaleão, dentro ou fora das cordas, sente isso, essa energia única, esse carinho que o folião foi nutrindo pela marca”.

Ao longo desses mais de 40 anos de história, o camaleão sempre foi muito lembrado pelos principais prêmios, que reconhecem as entidades carnavalescas de Salvador. Seja como melhor banda, melhor bloco, melhor trio da avenida, bloco mais seguro, eles sempre foram reconhecidos e prestigiados. Mas principalmente por todos os baianos e turistas que fazem questão de viver essa emoção, que é diferente de qualquer outra. Não tem quem conheça o carnaval e não conheça a magia que essa patinha carrega.

Em 25 de fevereiro de 2019, o Bloco Camaleão foi homenageado com uma praça, que fica localizada na Avenida Adhemar de Barros, em Ondina, próxima ao monumento das gordinhas e também a um dos maiores circuitos dessa festa, que é o carnaval.

No Carnaval de 2021, assim como tem sido nos últimos anos, quem vai puxar o trio será Bell Marques, que vai nos dar a oportunidade de gritar mais uma vez, “sou camaleão, sou seu amor, vem me dar um beijo” e outros hinos do famigerado Carnavrau.

Atualmente, o Bloco Camaleão desfila no Circuito Barra Ondina no Domingo, na Segunda e  Terça de carnaval sob o comando de Bell Marques, unindo o coração de vários foliões pelo amor ao Carnaval da Bahia.

O Bloco Camaleão continua sendo palco de novas amizades, namoros e até casamentos. São mais de 40 anos de uma linda história que com certeza terá mais uma página incrível para ser vivida no próximo Carnaval de Salvador. São 4.500 foliões por dia de desfile, na sua grande maioria formados por turistas de todo brasil e do mundo que vem para Salvador aproveitar o melhor bloco do Carnaval. Fique por dentro da programação oficial.

Como diz Bell Marques: Divirta-se, é carnaval.